Associação Brasileira de Rádio e Televisão

Com Kondzilla, RedeTV destaca o universo feminino

Data:11/05/2021
Veículo: Meio e Mensagem

Atração contará com bate-papos e histórias inspiradoras que expressam a cultura periférica e os dilemas atuais do cotidiano das mulheres

Dando sequência aos lançamentos anunciados para a programação de 2021, a RedeTV estreia nesta terça-feira, 11, às 23h30, o HERvolution, programa semanal de variedades focado no universo feminino. A atração é parte do projeto homônimo idealizado por Alana Leguth, sócia-diretora da KondZilla Filmes, o maior canal de música da América Latina. “A parceria com a Kondzilla reforça a iniciativa da RedeTV em desenvolver projetos que compartilhem do DNA inovador, inquieto e transformador da emissora, impulsionando nossa jornada enquanto plataforma de conteúdo”, afirma Amilcare Dallevo Neto, Head of Value Creation da RedeTV.

Apresentado pela cantora e compositora Mila, o programa feito por mulheres e para mulheres contará com bate-papos pautados por assuntos relacionados à mulher, seus direitos e suas diferentes realidades, com o objetivo de dar voz e representatividade ao público feminino. “Alguns dos nossos quadros vão trazer temas a serem debatidos pelas convidadas, como uma mesa redonda”, afirma Alana.

A sócia do da KondZilla Filmes ainda revela que o episódio de estreia do programa vai contar com o quadro “Meu direito”, com a deputada Isa Penna, que sofreu assédio dentro da Assembleia Legislativa de São Paulo por outro deputado, e a cantora e ativista pelo direito à moradia, Preta Ferreira, como convidadas.

Pensando na pluralidade da mulher brasileira, o HERvolution também mostrará histórias inspiradoras que expressam a cultura periférica e os dilemas atuais do cotidiano feminino, entre eles os novos talentos da música, impasses de gênero entre casais, debates sobre temas identitários, o machismo e o assédio em diversos ambientes. “Vamos dar essa voz e representatividade para o público feminino. Então, tenho certeza de que em algum momento do programa todas as mulheres vão se identificar com alguma história”, ressalta Alana.

E para quem tem o sonho de trabalhar com música, o programa promoverá um concurso para encontrar produtoras musicais de funk e revelar novos talentos. As candidatas escolhidas irão produzir as próximas músicas do projeto que terão videoclipes produzidos pela KondZilla, além de um feat gravado com a cantora Mila.

Segundo Alana, estar com um programa na TV aberta é muito importante para a produtora, porque nem todos no Brasil têm acesso à internet e as pessoas usam a TV como forma de informação e entretenimento. “É mais um veículo que estamos presentes e que podemos alcançar mais mulheres e mais pessoas para levar a nossa mensagem”.

**Crédito da imagem no topo: Divulgação/RedeTV

 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp