TV e teles chegam a um acordo sobre banda C

Veículo: Teletime
Data: 29/01/20

As operadoras de telecomunicações e os principais radiodifusores do país chegaram a um entendimento sobre o problema das interferências das transmissões de 5G na faixa de 3,5 GHz nos sistemas de recepção de sinais de TV via satélite (TVRO). As emissoras reconheceram a eficácia do modelo com a aplicação de filtros de mitigação das interferência e o reposicionamento dos canais de TV no satélite acima da banda de 3,8 GHz, o que assegura mais 100 MHz para o leilão de 5G. Uma nota conjunta entre SindiTelebrasil e as associações Abert e Abratel é ainda aguardada. Segundo apurou este noticiário, as partes devem se comprometer a dar continuidade aos testes e campo para validar os resultados já apurados nos testes feitos pelo CPQD. Também devem se comprometer a apresentar uma proposta conjunta à Anatel concordando com o modelo de mitigação e apresentando uma sugestão de operacionalização, em lugar de uma migração completa dos canais de TVRO para a banda Ku, como era a proposta original das emissoras de TV.