Search
Search

Sob pressão do TSE, Telegram firma no Brasil primeiro acordo contra fake news

Sob pressão do TSE, Telegram firma no Brasil primeiro acordo contra fake news

Compartilhe:
There is nothing to show here!
Slider with alias none not found.

Data: 19/05/2022
Veículo: Convergência Digital

O Tribunal Superior Eleitoral anunciou ter firmado um acordo de colaboração mútua para o enfrentamento da desinformação com a plataforma Telegram. “O TSE é o primeiro organismo eleitoral do mundo a assinar um acordo dessa natureza com a plataforma”, diz a Justiça Eleitoral.

Segundo o TSE, o acordo prevê uma série de ações concretas e medidas específicas, entre elas a criação do canal verificado do Tribunal no Telegram, que será usado para divulgar informações sobre as eleições.

Pelo acordo, a plataforma também oferecerá suporte técnico para que seja desenvolvido um assistente virtual que tirará dúvidas dos usuários sobre as eleições brasileiras, além da criação de uma nova funcionalidade que marcará conteúdos desinformativos.

A parceria também prevê a disponibilização de um canal extrajudicial ao TSE, para que possam ser realizadas denúncias dentro da plataforma, a serem investigadas pelo próprio Telegram para verificar se os canais denunciados violaram políticas internas.

* Com informações do TSE

COMPARTILHE:
WhatsApp
Facebook
LinkedIn
E-mail
Imprimir
TÓPICOS:
Mais Lidas
Tribunais e Ministérios Públicos de Contas manifestam apoio à aprovação do PL das Fake News
STF adia para junho julgamento das ações sobre regulação de big techs
Nova diretoria da AESP foi eleita por aclamação
Rádio se mantém forte como meio de mídia, aponta pesquisa
The New York Times vai receber US$ 100 milhões do Google durante três anos
Informe Abratel

Abratel - Associação Brasileira de Rádio e Televisão

Atuamos na defesa da radiodifusão no Brasil e trabalhamos para a valorização e promoção do serviço de comunicação mais democrático do país.

Notícias Relacionadas