Search
Search

ABERT, ABRATEL, ABAP e Fenapro lançam discussão sobre métricas de aferição de audiência

ABERT, ABRATEL, ABAP e Fenapro lançam discussão sobre métricas de aferição de audiência

Compartilhe:
There is nothing to show here!
Slider with alias none not found.

Data: 24/04/2024
Veículo: Tudo Rádio

Brasília – Em carta, associações fazem considerações sobre o mercado publicitário e convidam agências e empresas a discutirem novos modelos

A Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT), Associação Brasileira de Rádio e Televisão (ABRATEL), Federação Nacional das Agências de Propaganda (FENAPRO) e a Associação Brasileira de Agências de Publicidade (ABAP), divulgaram na manhã desta quarta-feira (24) uma carta ao mercado publicitário, anunciantes, agências, veículos e suas entidades representativas fazendo considerações sobre a medição de audiência. As associações convidam os envolvidos para discutirem novos modelos de aferição, destacando o CENP como entidade naturalmente qualificada para sediar os debates.

Intitulado “Carta ao Mercado Publicitário”, o documento destaca que o Brasil tem um dos mercados publicitários mais desenvolvidos do mundo, sendo que a qualidade das agências nacionais e o conteúdo publicitário produzido no país são reconhecidos e premiados internacionalmente. A carta também enfatiza que os “órgãos de autorregulamentação (CENP e CONAR) são modelos de regulação não estatal de uma atividade econômica, e há mais de 40 anos garantem um mercado publicitário pujante, que atende às demandas dos anunciantes e oferece aos consumidores publicidade de qualidade, ética e responsável.”

As associações signatárias da carta ressaltam, ainda, que as “plataformas digitais trouxeram para o mercado publicitário novas oportunidades e com elas formas distintas de medição de audiência, compatíveis com as funcionalidades inerentes a essa recente tecnologia. Atualmente, essas diferentes métricas convivem e são ambas utilizadas pelo mercado.”

Por fim, o documento destaca que “os parâmetros da métrica que será escolhida para o mercado brasileiro devem ser tecnicamente corretos, acurados e justos, e precisam fornecer aos anunciantes e às agências as informações adequadas para que tomem as decisões sobre a alocação das verbas publicitárias e convidam os players do mercado publicitário nacional a participar do debate sobre a integração das métricas de audiência para ter um mercado publicitário com livre concorrência, eficiente e ético, que seja motivo de orgulho para todos os brasileiros”.

COMPARTILHE:
WhatsApp
Facebook
LinkedIn
E-mail
Imprimir
Mais Lidas
logo-jovem-pan
Homenagem aos 30 Anos da Jovem Pan FM
Abratel_Oficio-2-5
NOTA DE REPÚDIO
RECORD RIO
Marlene-Gomes-1
NOTA DE PESAR
Marlene Gomes
Affonso Brandao Hennel
NOTA DE PESAR
Affonso Brandão Hennel
Man working in a radio station
ECAD divulga ações de apoio a radiodifusores do RS
Informe Abratel
Loading...
1 2 22

Abratel - Associação Brasileira de Rádio e Televisão

Atuamos na defesa da radiodifusão no Brasil e trabalhamos para a valorização e promoção do serviço de comunicação mais democrático do país.

Notícias Relacionadas