Search
Search

Bloqueio de programação inadequada na TV será debatida na CCTCI

Bloqueio de programação inadequada na TV será debatida na CCTCI

Compartilhe:
There is nothing to show here!
Slider with alias none not found.
A Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática (CCTCI) irá discutir, nesta quarta, o requerimento do deputado federal Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG), presidente do colegiado, que solicita ao Executivo informações a respeito da não regulamentação da lei que obriga os novos aparelhos de televisão a conterem dispositivo que possibilite o bloqueio temporário de programação inadequada.

O parlamentar quer saber da ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, os motivos que impedem a efetivação da legislação, baixada em 2001.

“Nós percebemos emissoras que veiculam conteúdos impróprios a crianças e adolescentes em plena luz do dia. Nós queremos que os pais, as pessoas responsáveis, possam determinar se aquela programação deve ou não ser assistida pelos seus filhos”, colocou Abi-Ackel.

De acordo com ele, compete à lei federal instituir meios legais que garantam à pessoa e à família a possibilidade de se defender de programas de TV ou rádio que contrariem os fins educativos que esse tipo de conteúdo deveria ter, bem como da propaganda de produtos, práticas e serviços que possam ser nocivos à saúde e ao meio ambiente.

No entanto, a norma que determina aos fabricantes de aparelhos de televisão a oferta de um mecanismo que permita ao usuário bloquear a recepção de material indesejado, aprovada pelo Congresso Nacional depois de mais de cinco anos de intensos debates, jamais teve eficácia – justamente porque o governo não regulamentou o ato por meio de decretos.

“Trata-se de um desrespeito à lei, já que o prazo de 180 dias, contados de 28 de dezembro de 2001, não foi cumprido”, colocou Abi-Ackel, em referência ao período que a regra estabeleceu para o Executivo proceder à regulamentação.

Fonte: Agência Câmara
Foto: Zeca Ribeiro/CD

 

COMPARTILHE:
WhatsApp
Facebook
LinkedIn
E-mail
Imprimir
TÓPICOS:
Mais Lidas
5g-montagem-pixabay-pexels_1400x875_5d5ecf0e13d04-1392x870-1
5G chegará para mais 236 cidades a partir da próxima segunda (27)
bola-de-futebol (1)
TV aberta é o principal meio que torcedores usam para se informar sobre esporte
ANDRÉ DIAS ACAERT
Abratel marca presença no ACAERT Next
Abratel_Oficio-2-5
NOTA À IMPRENSA
TV Jovem RECORD
Abratel_Oficio-2-5
NOTA À IMPRENSA
RICtv
Informe Abratel
Loading...
1 2 21

Abratel - Associação Brasileira de Rádio e Televisão

Atuamos na defesa da radiodifusão no Brasil e trabalhamos para a valorização e promoção do serviço de comunicação mais democrático do país.

Notícias Relacionadas