Associação Brasileira de Rádio e Televisão

‘Big techs’ pagam 76% menos imposto que o restante dos setores da economia

Data:08/04/2021
Veículo: Revista Oeste

Companhias digitais foram taxadas em 4,4%, ao passo que a taxação de empresas de outras áreas foi de 19,2%

Empresas globais de internet, as chamadas big techs, pagam no Brasil apenas 25% a 50% do imposto que incide sobre o lucro líquido de companhias dos demais setores da economia. É o que revelam dados fornecidos pela Receita Federal ao deputado João Maia (PL-RN), autor do projeto de Cide-Digital. A Receita mostra que, no caso de companhias globais digitais com receita bruta maior que R$ 100 milhões, o imposto pago variou de 8,6% a 11,5% no Brasil entre 2017 e 2019, ante taxação de 19,5% cobrada de empresas de todos os outros setores. A diferença de tributação cresce no grupo das empresas com receita bruta acima de R$ 3 bilhões por ano. Um grupo de 11 companhias globais de tecnologia foi taxada em apenas 4,4%, ante 19,2% para as demais empresas de igual porte no país — diferença de 76%.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp