Search
Search

NOTA DE REPÚDIO

NOTA DE REPÚDIO

Compartilhe:
There is nothing to show here!
Slider with alias none not found.

A Associação Brasileira de Rádio e Televisão (Abratel) repudia as agressões sofridas pela equipe da Record TV Brasília na manhã desta sexta-feira (20), durante um evento da Secretaria de Justiça em Santa Maria, região administrativa do Distrito Federal (DF).

Por volta de 10h30, a equipe de reportagem foi agredida, de forma covarde, por dois rapazes na rua em frente à administração da cidade. Um dos agressores deu um soco na câmera do cinegrafista no momento em que ele começou a gravar o evento. Outro rapaz atirou uma cadeira no auxiliar de cinegrafia, atingindo também uma assessora da Secretaria de Justiça do DF.

A Abratel considera este tipo de ato inadmissível e se posiciona e se posicionará sempre a favor da liberdade imprensa e de expressão. Acreditamos que preservar o trabalho da imprensa e resguardar a segurança dos profissionais de jornalismo são imprescindíveis para uma sociedade mais justa e equilibrada.

A Associação espera que os fatos sejam apurados com rigor pelas autoridades locais e a devida punição a todos os envolvidos. Mais do que isso, a Abratel espera que situações como essa não se repitam, e profissionais e emissoras possam continuar a sua essencial missão de levar informação de qualidade à sociedade.

 

Associação Brasileira de Rádio e Televisão
ABRATEL

COMPARTILHE:
WhatsApp
Facebook
LinkedIn
E-mail
Imprimir
TÓPICOS:
Mais Lidas
Abratel_Oficio-2-5
NOTA DE REPÚDIO
RECORD RIO
Marlene-Gomes-1
NOTA DE PESAR
Marlene Gomes
Affonso Brandao Hennel
NOTA DE PESAR
Affonso Brandão Hennel
Fact or Fake concept, change wooden cube
Câmara institui grupo de trabalho para debater a regulação das redes sociais
5g-montagem-pixabay-pexels_1400x875_5d5ecf0e13d04-1392x870-1
5G chegará para mais 236 cidades a partir da próxima segunda (27)
Informe Abratel
Loading...
1 2 22

Abratel - Associação Brasileira de Rádio e Televisão

Atuamos na defesa da radiodifusão no Brasil e trabalhamos para a valorização e promoção do serviço de comunicação mais democrático do país.

Notícias Relacionadas