Associação Brasileira de Rádio e Televisão

Painel Telebrasil: Ministro das Comunicações reforça a importância da radiodifusão

Durante a edição 2013 do Painel Telebrasil, evento da Associação Brasileira de Telecomunicações realizado nesta semana (21 a 23) em Brasília, o ministro das Comunicações Paulo Bernardo falou mais uma vez a respeito da importância da radiodifusão no Brasil. Representando os radiodifusores, a Abratel esteve no painel e acompanhou a participação do Ministério das Comunicações no Painel.

Durante o discurso, Bernardo falou a respeito do leilão da faixa de 700 MHZ e destacou a TV como grande ferramenta de comunicação. “Como os senhores e as senhoras bem sabem, o uso desta faixa pelos serviços móveis de banda larga no Brasil traz consigo desafios que outros países não tiveram. Somos um país no qual a televisão aberta é a principal fonte de informação e entretenimento da população. Além disso, estamos em pleno processo de digitalização da TV. Por isso mesmo, devemos garantir, durante os processos que antecedem o uso da faixa de 700 MHz, que os atuais serviços de radiodifusão não sejam prejudicados”, disse.

Bernardo garantiu também que a população não deixará de receber o sinal das emissoras. “Vamos promover o uso da faixa de 700 MHz sem que, em momento algum, nosso público deixe de receber o mesmo número de canais de TV aberta que hoje está à sua disposição. Estamos conduzindo complexos trabalhos de reorganização do espectro e elaborando os planos para que a transição seja economicamente viável tanto para os radiodifusores quanto para o público que precisará adquirir, ou até mesmo receber, com incentivo governamental, os receptores ou conversores de TV digital”.

Sobre os prazos para a realização do leilão da faixa, o ministro prevê que aconteça até junho do ano que vem. “Acreditamos que será possível, ainda no primeiro semestre de 2014, realizar a licitação das frequências. O uso da faixa de 700 MHz para a prestação de serviços de banda larga aumentará a disponibilidade de serviços de quarta geração para dar conta de uma demanda crescente do público por Internet, cujo tráfego deve crescer 14 vezes até 2016”, declarou Bernardo.

Por João Camilo

Fonte: Ascom Abratel
Foto: Ascom Telebrasil

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Notícias

Assessoria de Imprensa

Amanda Salviano

+55 61 3212-4686
+55 61 99112-5734

imprensa@abratel.org.br