Search
Search

TV por Assinatura perdeu R$ 12 bilhões com pirataria no Brasil

TV por Assinatura perdeu R$ 12 bilhões com pirataria no Brasil

Compartilhe:
There is nothing to show here!
Slider with alias none not found.

Data: 03/04/2023
Veículo: Convergência Digital

O Brasil perdeu R$ 345 bilhões em 2022 por causa da pirataria, segundo o Anuário da Associação Brasileira de Combate à Falsificação, divulgado nesta segunda-feira, 03/04. O setor de TV por assinatura perdeu R$ 12 bilhões. Os dados foram divulgados no Jornal Hoje, da TV Globo.

O valor, referente a janeiro do ano passado e o mesmo mês deste ano, é 17% maior do que o mesmo período de 2021, e se refere à perda de arrecadação de impostos e ao que as empresas regularizadas deixaram de faturar – só para efeito de comparação, o Bolsa Família custou R$ 14 bilhões ao governo em março.

Vinte setores são os mais prejudicados e respondem por dois terços desse prejuízo. O maior é o de combustíveis, com perda estimada em R$ 29 bilhões. Em seguida, vem o de bebidas: R$ 28 bilhões. Defensivos agrícolas, vestuário, perfumaria, higiene e limpeza, autopeças também fazem parte da lista dos segmentos afetados pela pirataria.

A Anatel adotou a estratégia de bloquear os IPs que permitem o funcionamento das caixas conectadas (TV box) não homologadas, sob a alegação de risco à integridade das redes de telecomunicações e à segurança cibernética dos usuários. Com isso, os conteúdos irregulares distribuídos por estes dispositivos, sobretudo canais de TV por assinatura comercializados de maneira pirata, passaram a ser bloqueados juntamente com as TV boxes. Os bloqueios estão em curso, à medida em que os IPs e caixas clandestinas são identificados.

COMPARTILHE:
WhatsApp
Facebook
LinkedIn
E-mail
Imprimir
TÓPICOS:
Mais Lidas
Informe Abratel
Loading...
1 2 22

Abratel - Associação Brasileira de Rádio e Televisão

Atuamos na defesa da radiodifusão no Brasil e trabalhamos para a valorização e promoção do serviço de comunicação mais democrático do país.

Notícias Relacionadas